Renegocie suas dívidas

Saiba como regularizar sua situação financeira

São muitos os motivos o qual podem levar uma pessoa a deixar sua situação financeira no vermelho. Como por exemplo o não pagamento de carnês de lojas, cartão de créditos, cheques, empréstimos e outros. 

Algumas práticas podem ajudar a não entrar nessa situação, e também a sair dela, renegociando as dívidas

1 – Tenha sempre uma planilha com todos os seus gastos do mês. Liste-os especificando cada um e seu valor. É muito importante colocar também o número de parcelas pagas e as restantes. 

Existem as contas que não temos como fugir todo o mês, como aluguel, água, luz, internet e outras. E ainda temos algumas contas que são parcelas de algo que adquirimos: eletrodoméstico, eletroeletrônicos, móveis, decoração, presentes e outros.

 Pode acontecer ainda, de termos algum gasto extra, que aparece durante o mês, como um médico por exemplo. Por isso é importante separar um dinheiro para urgências. 

Todos esses custos precisam ser listados de maneira individual e detalhada.

2 – Quando existe alguma dívida com ‘’os juros rolando’’, é necessário saber a real situação financeira com relação a todas as contas e gastos do mês. Ou seja, anotar tudo para saber o quanto se ganha, o quanto se gasta e quando e onde pode-se economizar para pagar a tal dívida. 

3 – É importante dar preferência para às dívidas com juros altos, que possuem bens como garantia, que podem acabar sujando seu nome no SPC ou SERASA.

4 – Um dica bem interessante para renegociar suas dívidas, é a possibilidade de fazer um empréstimo e quitar todas elas. Mas é muito importante analisar as novas taxas antes de optar por essa opção. 

5 – Se tiver como negociar diretamente com os credores, faça isso, evite intermediários. Apresente sua proposta deixando bem clara sua intenção de pagar. 

Sempre vale tentar juros menores e/ou prazos maiores para suavizar as parcelas.

E para finalizar:

6 – Se for quitar à vista suas dívidas, peça desconto. E jamais se intimide aceitando propostas com as quais não consiga arca. 

A Hoepers pode ajudar você a recuperar seu crédito. Desde 1982, segmentos de atuação: cartões de crédito, crédito direto ao consumidor, crédito imobiliário, crédito educacional, empréstimo pessoal, produtos bancários, varejo, veículos leves e pesados, telefonia móvel e fixa. 

Clique Aqui e entre em contato com a Hoepers. 

Você sabe qual a diferença entre Cobrança Judicial e Cobrança Extrajudicial? Confira pelo link: http://www2.hoepers.com/recuperacao-de-credito/diferenca-entre-cobranca-judicial-e-extrajudicial 

Rolar para cima